quarta-feira, 27 de agosto de 2008

Terceira Reunião Com Eduardo Antonini

Ontem foi realizada a terceira reunião dos moderadores da comunidade Grêmio Arena com o Eduardo Antonini. O objetivo era obter maiores informações sobre o andamento do projeto na prefeitura de Porto Alegre.

Eu, o Glênio e a Janaína - nossa representante feminina - participamos da reunião.





O Antonini tinha retornado a pouco de uma reunião com o executivo estadual e outra com a prefeitura. As boas novas trazidas por ele foram as seguintes:

1 - A ação dos torcedores junto à prefeitura, de todas as formas, surtiu efeito. Em dez dias o Fogaça enviará proposta de alterações para atender a demanda do Grêmio para uma comissão (parece tranqüilo, mas daqui a alguns dias divulgaremos os nomes dos integrantes desta comissão para mandarmos mensagens). Após isso, irá para a Procuradoria Municipal para transformar em um projeto de Lei Municipal. Este projeto de lei atenderá às questões dos dois projetos: o do Humaitá (Complexo Arena) e o da Azenha (Centro Comercial que será construído na área do Olímpico). Em 20 dias - no máximo - irá para a Câmara de Vereadores para votação;

2 - O contrato está pronto e os projetos também. Ambos serão entregues ao Conselho Deliberativo dentro de 15 dias;

3 - A área será a da curva (pertencente aos padres). Existe inclusive promessa de compra e venda registrada em cartório;

4 - O Antonini disse a cobertura da arena pode mudar. Há uma proposta de lona tencionada no lugar do acrílico e do metal, mas ainda não foi apreciado isso. Seria uma cobertura parecida com a AOL Arena, do Hamburger SV.

AOL Arena 1:



AOL Arena 2:



AOL Arena 3:



5 - Haverão dois telões (atrás das goleiras, bem lá em cima). As cabines de TV e Rádio ficarão nos dois lados da arena;

6 - Os preços continuarão em torno de R$ 30, para cadeira (a área da Geral será mais barata);

7 - Locação de cadeira somente na área VIP. Nos demais lugares só com ingresso (ou sendo sócio patrimonial;

Aliás, a questão dos sócios locatários também foi explicada pelo Antonini. Em princípio, a idéia é esta:

A - Sócio patrimonial que MIGROU para as cadeiras vai permanecer com o título patrimonial na arena;

B - Aqueles que não são sócios e se tornaram locatários ANTES de se encerrarem as inscrições para a modalidade SÓCIO PATRIMONIAL/CONTRIBUINTE receberão o título de sócio patrimonial;

C - Aqueles que não são sócios e se tornaram locatários DEPOIS de se encerrarem as inscrições para a modalidade SÓCIO PATRIMONIAL/CONTRIBUINTE se tornarão sócios torcedores.

Enfim, agora precisamos ficar de olho na prefeitura e, principalmente, no Conselho Deliberativo do clube, uma vez que por causa das eleições no final deste ano o projeto pode acabar demorando para ser aprovado pelos nossos conselheiros (por questões políticas, obviamente).

16 comentários:

Anônimo disse...

Saiu na ZH de Hoje: "A portuguesa TBZ anunciou sua saída do consórcio para construção da arena do Grêmio. A brasileira OAS assumiu a obra e, nesta semana, apresentou ao presidente do Conselho, Raul Régis de Freitas Lima, garantias do banco Santander para bancar o projeto. A empreiteira também se comprometeu a comprar área de 38 hectares no bairro Humaitá, que pertence à Federação do Círculo dos Operários."

Pergunto se procede a notícia e, em caso afirmativo, se apenas haverá a substituição da TBZ pela OAS ou o Projeto Arena é alterado como um todo? Outra coisa: poderiam confirmar se a área da Federação do Círculo dos operários é a da "curva" da freeway?

Muito Obrigado e parabéns pelo blog. Saudações tricolores!

André disse...

Giuliano, essa noticia da saída da TBZ me preocupou bastante, tens como entrar em contato com o Antonini e saber dos motivos e se isto pode prejudicar o projeto? Um abraço

Jimmy disse...

Fala Zebrão!

Cara essa aí da TBZ nem eu esperava... Isso é mais um baita complicador no negócio, pois está saindo quem tem todo o know-how do troço - principalmente no campo de gestão de estádios. Sabe algo mais sobre isso???

Pedro disse...

Na boa, não entendi porra nenhuma da explicação sobre o "destino dos Sócios"...

Essa "migração" de planos foi explicada no passado... ela já ocorreu???

Tellechea disse...

Artilheiro,

Vocês têm um representante feminina só porque ela mulher? Não desmereçam a guria. Ela está aí porque é gremista, quer ajudar e tem competência. Importa, mesmo, se ela é mulher ou não?

O Antonini já devia saber da saída da TBZ. Ele tocu no assunto?

Tu falas do projeto e esqueces de nos informar o principal: em que pé está essa merda?

Saudações de um Chacal,
Tellechea

Giuliano Vieceli disse...

Bom dia pessoal,

Desculpa a demora em responder, mas eu estava fora de Porto Alegre desde quinta-feira.

Seguinte, a TBZ era a parte menor de todo o consórcio. O preocupante seria se a OAS (construtora) saísse do consórcio.

Ou seja, a saída da TBZ não muda em nada, pois a OAS assumiu inteiramente as obras (foi inclusive a OAS quem conseguiu as garantias bancárias).

Logo, o projeto está correndo tranquilamente. Neste momento a prefeitura irá votar o projeto de lei que vai dar o aval para a construção.

Sobre o terreno da curva, pelo que sei ele foi doado pela prefeitura para os padres.

Saudações tricolores

Anônimo disse...

GREMISTA: por uma maior valorização dos sócios, apóie a redução da cláusula de barreira das eleições do Grêmio de 30% para 20% - http://www.abaixoassinado.org/abaixoassinados/1178

Tellechea disse...

Artilheiro,

Pelo que me consta, a OAS é construtora-incorporadora, mas a TBZ seria a administradora. Ficamos sem uma especialista em administração do estádio. O estádio sai, mas e aí? O Grêmio não vai procurar parcerias com a AAA ou com a Azteca, p.e.?

Um abraço.

Anônimo disse...

Giuliano, uma sugestão:

Coloquem um link para o abaixo assinado na Comunidade Grêmio Arena.

Muito legal o teu site. Valeu!

raos X silver.astronaut disse...

seria uma boa colocar aqui a convocação para dia 9 as 19h pra reunião do conselho, não achas?

Anônimo disse...

Esse GLENIO acha que tem o rei na barriga, expulsa o membros da comunidade apenas pq a pessoa tem idéia oposta.

Ridículo.

Giuliano Vieceli disse...

Anônimo,

Sem saber o seu verdadeiro nome não posso conversar com o Glênio para saber qual o motivo da tua expulsão.

Infelizmente não posso ajudá-lo. O que posso dizer é que o Glênio não faz nada de graça.

Abraços

Giuliano Vieceli disse...

raos,

Coloquei agora. Desculpa a demora.

Giuliano Vieceli disse...

tellechea,

Dae seu bisonho... :)

Tchê, não sei se o Grêmio vai repor a saída da TBZ. Esta informação saiu após a terceira reunião com o Antonini, então não cheguei a perguntar nada sobre isso.

Abraços

Anônimo disse...

Ei! e sobre a colocação de um link na comunidade Grêmio Arena direcionada para o Abaixo assinado? Acho que seria uma ótima iniciativa, como postou o zé.

Anônimo disse...

Pessoal, quem puder leia a edição de setembro da revista GOOOL. Tem 6 páginas de entrevistas sobre a Arena com o Antonini e o Odone. Vale a pena, é bem completa e explica entre outras coisas porque não é viável a reforma do atual estádio ou construção na Azenha. Segundo a reportagem, a Arena é um novo conceito de estádio, auto-sustentável e lucrativo; além de ser projetada para deixar a torcida bem próxima do gramado, será um estádio verticalizado, para 57.000 pessoas no estilo "La Bombonera" para que a pressão da torcida seja ainda mais intensa que no Olímpico e a própria Arena sustentará um shopping de 3 andares, 2 anéis de garagem, 28 mil m2 de área comercial para serem locadas pelo Grêmio. Segundo o dirigente, será o estádio mais moderno do mundo dentro dos padrões FIFA e UEFA e com as garantias contratuais de que o Grêmio só deixará o Olímpico quando a Arena estiver pronta, provavelmente em 2012.